Radar

Ocubo lança Festival à Janela (com vídeo)

Trata-se de uma ação cultural multimédia, que vai percorrer o país de norte a sul.

O ateliê Ocubo, conhecido pela realização de espetáculos de vídeo mapping, em Portugal e no estrangeiro, lança o Festival à Janela. São projeções de grande escala, com a participação de artistas como Mariza, Noiserv e The Legendary Tigerman, para ser vistas em casa (à janela) ou através das transmissões diretas online.
 

Ocubo-Festival à Janela Teaser from OCUBO on Vimeo.

 
O arranque deste Festival à Janela é hoje, 24 de abril, em Almada, às 21h, com o edifício do Hospital Garcia de Orta a servir de tela para a exibição de imagens animadas e de mensagens de agradecimento a todos os profissionais de saúde, que lutam nesta altura de pandemia pelo bem-estar dos doentes.
 
As projeções, hoje e amanhã, feitas em vários edifícios de Almada e do Monte da Caparica, incluem ainda uma vídeo-performance da fadista Mariza, a cantar “Ó Gente da Minha Terra”; uma coreografia virtual da dupla de bailarinos Catarina Casqueiro e Tiago Machado; e uma projeção de vídeo para assinalar o 25 de abril, que será exibida ao som de “Grândola Vila Morena”, de José Afonso.
 
Nos dias 30 de abril e 1 de maio, estas projeções repetem-se, e são acrescentadas as exibições de dança hip-hop de Rafaela Pinheiro & Mucha e dois momentos dedicados à música, assinados por Noiserv e The Legendary Tigerman.
 
Depois de Almada, o Festival à Janela vai percorrer o país, em diferentes cidades, e com outros artistas, em datas que ainda não são conhecidas.
 
O Festival cumpre com todas as normas de segurança, garantem os organizadores, acrescentando que têm um parecer científico favorável da Ordem dos Psicólogos, por permitirem que o público possa desfrutar da oferta cultural sem sair de casa. Esta é também uma forma de apoiar o setor cultural, que se encontra paralisado por causa da Covid-19.

Todas as informações sobre este evento estão disponíveis no site www.festivalajanela.pt e nas redes sociais oficiais.

Tags: Eventos, Ocubo, Covid-19, Video Mapping, Festival à Janela

24-04-2020