Notícias

Os quatro tipos de viajantes de negócios, segundo o Wanup

Estudo do Wanup revela o perfil dos viajantes de negócios mais comuns em Portugal.

O Wanup, clube de fidelização com mais de 500 mil membros (hotéis e cadeias hoteleiras), traçou o perfil dos viajantes de negócios e, de acordo com um estudo realizado, os quatro tipos mais comuns em Portugal são o Luxuoso, o Ocupado, o Descontraído e o Digital.

Muitas das viagens são realizadas em contexto de trabalho. E se muitos destes viajantes aproveitam as viagens de trabalho para descobrir o destino, permanecendo mais uns dias no local, outros há que não conseguem tirar partido da viagem, dada o volume de trabalho e as preocupações. O estudo do Wanup revela os perfis destes viajantes de negócios. Vamos conhecê-los:

 

O Luxouso

 

“Este tipo de viajante trabalha para empresas multinacionais, por isso o dinheiro não é um problema e todas as suas exigências devem ser correspondidas. Viaja sempre em classe executiva e fica hospedado em hotéis de luxo,onde recebe tratamento personalizado e cuidado. Tendem a ser muito fiéis às suas marcas. As características que mais valorizam nos hotéis são instalações modernas e serviços como a lavandaria.”

 

O Ocupado


“Este é o tipo de viajante que está sempre atarefado, com a agenda muito preenchida e que dá muito valor ao tempo pessoal. Pode viajar tanto em classe executiva como em turística, dependendo das circunstâncias, uma vez que o seu trabalho exige flexibilidade na hora do planeamento de viagens. Necessita de ter experiências gratificantes nas poucas horas que tem livres e por isso escolhe hotéis com piscina ou ginásio para compensar o cansaço do trabalho. Por norma, escolhem hotéis próximos dos aeroportos, de feiras ou congressos.”

 

O Descontraído

 

“Falamos de um viajante que combina a viagem em trabalho com lazer – o mais frequente. O estudo mostrou que mais de metade dos viajantes de negócios reservam uns dias extra para descansarem e conhecerem o destino onde se encontram, uma tendência cada vez mais forte conhecida como ‘bleisure’. Estas pessoas apresentam por norma um perfil muito independente e empreendedor, e tendem a escolher hotéis no meio da cidade para aproveitarem as vantagens dos pontos turísticos e fazerem umas compras.”


O Digital
 

“Os Viajantes Digitais partilham todas as viagens que fazem em trabalho através das redes sociais e utilizam aplicações para conhecerem pessoas locais. São a nova geração de viajantes frequentes, jovens empreendedores e pessoas que vêm este tipo de viagens como uma oportunidade que o trabalho lhes oferece. Viajam em classe turística e escolhem hotéis boutique com wi-fi gratuito, pois é um requisito indispensável para estarem sempre conectados e conseguirem trabalhar.”

Tags: Estudos, Viagens de Negócio

29-03-2017