Opinião

Qual o objetivo do assentamento num evento empresarial?

Seria de esperar que, tendo serviços digitais para eventos, quiséssemos promover um serviço de que dispomos, criar aplicativos para eventos. Não é assim.

O turismo, e em especial a área dos Congressos, Eventos e Animação Turística, continua a crescer, a sociedade e as necessidades dos turistas estão a modificar‑se e a nossa organização social e económica permanece a mesma.

No coração da proposta de valor das associações está o networking e o desenvolvimento profissional, e os benefícios dessas duas características são muitas vezes a força dos membros.

Já imaginou estar numa consulta de saúde e durante o diagnóstico, em que os conhecimentos e questões são relevantes para determinar se há algo a resolver, o seu médico iniciasse uma chamada telefónica ou respondesse a uma mensagem, deixando de focar em si e que não tinha a ver com uma urgência médica?

Muito tem sido escrito nos últimos tempos sobre a Inteligência Artificial (AI), e os profissionais dos eventos em breve deverão oferecê-la como parte da sua solução de tecnologia nos eventos.

Quem já teve contacto com potenciais clientes chineses, sabe que é essencial demonstrar conhecer a sua cultura e respeitar a sua maneira de ser para conseguir atingir os objetivos de qualquer relacionamento comercial.

Portugal é considerado atualmente como um dos destinos preferenciais para a organização de eventos na Europa, o que muito nos orgulha. Mas devemos pensar no futuro.

O mercado dos eventos está a mudar? Sim… muito!

Os Açores são uma das regiões do país que mais tem crescido nos últimos anos e o turismo, cada vez mais internacionalizado, tem‑se afirmado como um dos vetores fundamentais desse crescimento, sendo que o produto MICE faz parte integrante deste sucesso.